Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Nova(s) conquista(s)

por Mi ♥, em 03.05.13
Chamares "chata" à mamã...

Linda conquista sim senhor (not)!

Pois é, miss M. descobriu a fala.E numa semana, começaste a dizer muitas palavras novas. A palavra preferido é ... não. Já dizes um "não" muito perfeitinho e repetes sem conta, até nos levares à exaustão. Tudo é "nãaaaoooo". Assim um "nãooo" fofiiinhhooo, com olhinhos de gato das botas a acompanhar.

Dizes cão, água, chocolate!!!, o teu nome, creche... E entendes tudo, tanto em Português, como em Francês. Acontece que, quando não te convém, finjes-te de despercebida e, muito lentamente, viras a cabeça para o lado, olhando de soslaio... (E eu adoro!!!)

Também formaste a tua primeira frase: papá, anda cá!


Já estás uma crescida, minha pinipon...





publicado às 16:16

E a modos que (é) foi isto.

por Mi ♥, em 03.05.13
A demanda pelo segundo vestido para o casamento que acontece daqui a 15 dias, já começou.

E acabou (Wishful thinking!!!)!

Depois de uma "hora de almoço" de quatro horas (quem vai ser despedida, quem vai?!) e muuuuuiiiitaaaaa roupa experimentada, aqui ficam os top (que são quase todos... ahah).

O preferidinho! Adorei. E ainda está reservado...
Largo! Opa, mas a Mango anda a passar-se nos números?! Isto é um S!

Segundo preferidinho...
Muito largo, mas sooo girly!

O top é lindo, mas .... this is not mi. ;)
Butterflies! Também muito largo... E era o S.
Hm, este preço não me agradou. 99€ por um 2º vestido é demais. Até para mim.

Sexy little black dress! ;)


Muito formal?

Largooooo!!! Não tenho boobies!!! Noooo!
Ahaha Sexy tigresse... Not mi. ;)

Apesar das várias opções, não houve nenhum que me fizesse "o coração bater mais forte" (e silenciar a vozinha de fundo na minha consciência, do R., a dizer "não gastes dinheiroooo, não gastes dinheiroooo"..).

Reservei o amarelinho, que foi o que me encheu mais as medidas (embora não o tenha comprado logo porque tenho uma laranja quase quase igual - o tecido é igual, o corte é o mesmo, só que tem alças - e não queria ouvir o R. "é igualzinhoooo ao outro!!!"). 

Depois dum "giro" na Zara (thumbs down!) e outro na H&M, este peplum pink fez-me mesmo arregalar os olhos! As fotos não lhe fazem justiça (que cor é esta?!), mas o tecido, o corte, o peso (sim, é mesmo pesado), a renda, os acabamentos, são lin-dos!

Foto nos provadores da H&M.



O que mais gosto são as sandalinhas crocs...


O preçoooo!!!


Tanto mãe como irmã não me deixaram vir embora sem ele. (será porque já estavam era fartas de tanto "tira roupa, põe roupa"??? Naaaa. Afinal somos do mesmo sangue.)


Claro que depois faltava a saia. E eu não queria o mesmo look peplum+saia+justinha de sempre (já tenho umas três saias e dois vestidos assim).

O que eu queria meeeeeeesmo era isto:


Esta menina chama-se Sydne e tem o blog SydneStyle. Super recomendo!
Ela criou três looks com o tal peplum da H&M, sendo este o mais sofisticado. ;)

E pronto, a saia já vem a caminho de terras de Sua Majestade e já tenho clutch e sapatinhos pretos a combinar.

Mesmo assim, a minha mente ainda foge para o tal amarelinho...

What do you think? Fiz bem em trocar yellow por pink?! :)

(Epa, este blog anda mesmo "fútil"! Valha-me-Deus-o-que-um-casamento-faz-a-uma-pessoa!!!)

























publicado às 14:59

Remembering...

por Mi ♥, em 03.05.13
Eu fui aquela grávida que chegou à médica na primeira consulta e lhe disse "quero uma cesariana programada. E mais nada."

Mas tive azar e a mulher respondeu-me "cala-te que disto quem sabe sou eu e vais ter parto normal com epidural e mai nada".

Ela é uma despachada e viu através dos meus receios que eu só não queria sofrer.

Eu também sou uma ratazana. (Are you a man or a rat?) Da pior espécie. Da espécie de ter a criança que fazer-se vir ao mundo à força - aka, engravidar por acaso - para finalmente ser mãe porque nunca quis encarar o parto. 

Eu ainda teimei umas quantas vezes com a médica, mas ela respondia-me sempre que, se eu só não queria sofrer, não havia razão nenhuma para não ter parto normal, que o parto normal não é sinónimo de dor, que a cesariana não é sinónimo de não-dor, que a dor era para as mulheres de antigamente que não tinham outro remédio, que o parto era a coisa mais naturalíssima do mundo e que qualquer mulher está preparada para aquilo.

E 9 meses depois, lá fui eu ter a M. de parto normal. Com epidural claro e foi programado porque a médica não ia estar na cidade na semana da DPP.

Às 21h entrei, disseram-me que só ia ter a miúda umas 24 horas depois, às 3h da manhã já sentia umas dorzitas assim incomodativas, já tinha 4 dedos de dilatação, às 5h as águas rebentaram sozinhas e senti muitas dores, até chegar o anestesista (apetecia-me beijá-lo) e eu não sentir mais dorzinha nenhuma. Never again! Senti tudo o resto... Até conseguia andar!!! Menos as dores. Espectáculo!

Não sei se foram as drogas ou o meu pânico a transformar-se em excitação, mas fiquei tão eufórica com o parto (a miúda acabou por nascer depois de três "puxos", às 8h30, depois duma médica com olhos remelosos me dizer "eiii mas esta criança só devia nascer à noite!") que só pensava em ter outro filho para viver tudo de novo!!! Às 12h já fui tomar banho sozinha e nem levei pontos... ;)

Sentia-me fresca que nem uma alface e pude apreciar os momentos iniciais com clareza e sem querer esganar a miúda por causa das dores...

Ok, talvez eu tenha tido muita sorte, MAS, assim como há aqueles relatos medonhos de partos, também há os, como o meu, maravilhosos! E não foi nada floreado, a sério... Se há alguma razão para eu engravidar segunda vez, é o parto.

O remédio é confiar nos BONS profissionais de saúde... E remédios - drugs ON!!!

publicado às 14:51

Fashion but not fashionista

por Mi ♥, em 03.05.13
Eu costumava ligar muito a marcas.

Era sacrilégio entrar numa "loja local" ou que uma peça de roupa não tivesse uma etiqueta a dizer, no mínimo, Zara, Mango, Landior ou Victoria's Secret. Ai de alguém sugerir a C&A, a Bershka ou a H&M! blerc!

Eram outros tempos, outras carteiras a desembolsar e sobretudo, outra mentalidade (minha, claro está!). E outros namorados.

Desde que o R. entrou na minha vida, passei a ver o mundo com outros "óculos" (mais baratos ;)) e deixei-me de algumas mariquices.

A H&M é a minha melhor amiga e dói-me o estômago quando vejo os preços/qualidade de Zaras, Mangos e cia.

E sabem que mais? Sou fashion, anyway. 

Sim, eu sei que isto soa super mal quando é dito pela própria. Mas é a verdade. Desde que se tenha bom gosto e um bom "olho prá coisa" uma pessoa safa-se (e muito bem!) com muito menos.

Quem olha para mim pensa que devo ganhar 8.876€ por mês para usar tantas roupas diferentes todos os dias, sem repetir durante algumas semanas. Já ouvi isso algumas vezes... Assim como "ganhas o prémio de most fashion mummy of the year!" Sabe tão bem ouvir - e, faslsas humildades à parte, gabar-se disso!

E não é só pela quantidade. Tudo parece bem caro e exquisite. E é. Poucas ou muitas coisas, bem combinadas, de qualidade e bem cuidadas, fazem toda a diferença.

E não preciso duma carteira LV, que custa 5.000€ para me sentir fashion. Que, convenhamos, nem são as coisas-mai-lindas-deste-mundo!

Não digo que não gosto de coisinhas bem acima do preço que o R. gostaria que eu pagasse. Porque gosto. Ele até diz que eu gosto sempre do que é mais caro. 

Mas já fui mais assim. Já fui mais fashionista e aquela pessoa que "tem de mostrar a etiqueta da roupa para ser aceite". Epa, mas cansei-me. É que o dinheiro é meu.
E se gasto mais x€ em panitos só por causa duma etiqueta, são menos x€ que posso gastar em coisas para a M., ou em jantares com amigos, ou em viagens. E, convenhamos, os panitos não valem assim tanto.

Fashion sim. Fashionista, not so much.

publicado às 11:07

Mensagens


SOBRE A MI

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

subscrever feeds



Mensagens

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

calendário

Maio 2013

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031